Lei da Atração – Como atrair corretamente II – O Poder do Desejo


ima.jpg  Estou passando para todos um texto muito interessante e complementar aos estudos sobre a lei da atração.

Sorte Sempre!

Karin Klemm

O Poder do Desejo

Os 3 passos para qualquer coisa que você queira Ser, Fazer ou Ter.
Extraído de um texto de Cláudia Martinez encontrado aqui:
Capítulo 10
(Capítulo 10 do livro “Ask and it is given. Learning to manifest your desires”, de Esther e Jerry Hicks, com base nos ensinamentos de Abraham, que é uma comunidade de seres “não-físicos”. Para mais informações, visite o site http://www.abraham-hicks.com/ ).

Os 3 passos para qualquer coisa que você queira Ser, Fazer ou Ter.

Conceitualmente, o processo criativo é simples. Consiste de 3 passos:

· Passo 1 ( trabalho seu): Você pede.
· Passo 2 (não é trabalho seu): A resposta é dada.
· Passo 3 (trabalho seu): A resposta, a qual foi dada, deve ser recebida ou permitida (você tem que deixá-la entrar).

Passo 1: Você pede.

Por causa do ambiente diversificado no qual você vive, o passo 1 é fácil e automático porque as suas preferências naturais nascem dos contrastes dessa diversidade. Tudo (desde os desejos mais discretos ou mesmo inconscientes, até os desejos mais claros, precisos e vívidos) resulta das experiências contrastantes do seu dia a dia. Desejos (ou pedidos) são efeitos colaterais naturais, porque você se expõe a esse ambiente variado e cheio de contrastes. Sendo assim, o passo 1 vem naturalmente.

Passo 2: O Universo responde.


O passo 2 é um passo simples para você, porque não se trata de nenhum trabalho seu. O passo 2 é o trabalho do Não-Físico, o trabalho do Deus Poderoso. Todas as coisas que você pede, pequenas ou grandes, são imediatamente entendidas e encomendadas, sem exceção. Cada ponto da Consciência tem o direito e a habilidade de pedir, sendo que todos os pontos da Consciência são honrados e respondidos imediatamente. Quando você pede, lhe é dado. Toda vez.

Algumas vezes os seus pedidos se expressam com palavras mas, com mais frequência, eles emanam de você em forma de vibração, como um fluxo constante de preferências pessoais precisas, uma se acentuando na outra e cada uma delas sendo respeitada e respondida.

Toda pergunta é respondida.

Todo desejo é dado.

Toda oração é respondida.

Todo desejo é garantido.Mas o motivo pelo qual muitas pessoas discordariam dessa afirmação Verdadeira, mencionando exemplos de desejos não realizados em sua experiência de vida, é porque elas ainda não entenderam e não completaram o passo 3, que é muito importante. Sem completar esse passo, a existência dos passos 1 e 2 poderia passar despercebida.

Passo 3: Você permite a entrada.

O passo 3 é a aplicação da Arte da Permissão. É realmente a razão pela qual o seu sistema de orientação existe. É o passo no qual você ajusta a frequência vibracional do seu Ser, para combinar com a frequência vibracional do seu desejo. Da mesma forma que o seu rádio precisa estar sintonizado na frequência da estação que você quer ouvir, a frequência vibracional do seu Ser deve combinar com a frequência do seu desejo. É isso que chamamos de Arte da Permissão – ou seja, permitir o que está pedindo. A menos que você esteja na frequência de recebimento, as suas perguntas, mesmo tendo sido respondidas, vão parecer sem resposta para você; as suas orações vão parecer que não foram respondidas e os seus desejos não serão realizados – não porque eles não tenham sido ouvidos, mas porque as suas vibrações não combinam, dessa forma você não os deixa entrar.

Cada assunto é, na verdade, dois assuntos: O que quero e o que não quero .

Cada assunto é, na verdade, dois assuntos. Existe aquilo que você quer e aquilo que está faltando. Frequentemente – mesmo quando acredita que está pensando em algo que deseja – você está, na verdade, pensando exatamente no oposto do que deseja. Em outras palavras: “Eu quero estar bem; não quero estar doente.” “Eu quero ter segurança financeira; não quero experimentar a falta de dinheiro.” “Eu quero que um relacionamento perfeito chegue para mim; não quero ficar sozinho.”

O que você pensa e o que consegue sempre combinam vibracionalmente, então pode ser muito útil fazer uma correlação entre o que você está pensando e o que está se manifestando na sua experiência de vida. Mas é ainda mais útil você poder discernir para onde está indo, mesmo antes de chegar lá. Uma vez que você entenda as suas emoções e as mensagens importantes que elas estão lhe enviando, não terá que esperar até que algo se manifeste na sua experiência para entender qual tem sido a sua oferta vibracional – pelo que está sentindo, você poderá saber exatamente para onde está indo.

Sua atenção deve estar no desejo, não no que está faltando.

O processo criativo está sempre ocorrendo, você estando consciente dele ou não. Por causa da variedade e contraste das suas experiências, novas preferências estão continuamente nascendo dentro de você e, mesmo sem saber, você as transmite como se fossem requisições. E no momento em que transmite uma preferência, a Fonte de Energia recebe a sua requisição vibracional e, pela Lei da Atração, oferece respostas imediatas, às quais você tem que se alinhar vibracionalmente.

A razão pela qual você nem sempre tem consciência de que seus pedidos foram respondidos é porque sempre tem um espaço entre o seu pedido (passo 1) e a sua permissão (passo 3). Com frequência, mesmo que um desejo claro tenha sido emanado de você por causa de algum contraste que tenha levado em consideração, ao invés de prestar atenção puramente no desejo em si, você se concentra de volta na situação que deu origem ao desejo. E fazendo isso, a sua vibração é mais a respeito do motivo que lhe fez lançar o desejo do que é a respeito do desejo em si mesmo.

Por exemplo: seu carro está ficando velho e está começando a dar defeitos. Conforme você começa a notar que a beleza do seu carro está desaparecendo, você se percebe desejando um carro novo. Como você queria muito aquela sensação de segurança que um carro novo traz, a vibração de um “desejo foguete” emanou de você. E a Fonte a recebeu e com gentileza respondeu imediatamente.

Só que, como você não estava consciente das Leis do Universo e do Processo de Criação em 3 Passos, aquele sentimento de desejo fresco e alegre durou muito pouco. Ao invés de colocar imediatamente a sua atenção na direção daquele desejo fresquinho e continuar a ponderar sobre a idéia daquele delicioso carro novo (dessa forma conseguindo uma harmonia vibracional com a sua própria idéia nova), você volta a olhar para o carro que tem agora, mostrando as razões pelas quais deseja um carro novo. “Esse carro velho não me satisfaz mais”, você conclui, sem perceber que ao olhar para o carro insatisfatório, está virando a sua vibração de volta para ele e não na direção do carro novo que deseja. “Eu realmente preciso de um carro novo“, você explica, apontando para marcas de batidinhas, rachos e a falta de segurança na performance do carro velho.

Com cada frase de justificativa e de necessidade por um carro novo, sem saber, você reforça a vibração da sua situação insatisfatória e fazendo isso, continua a se manter fora de alinhamento vibracional com o seu novo desejo e fora da frequência de recebimento do que está pedindo.

Enquanto estiver mais consciente do que você não quer, em relação a essa situação, o que você quer não pode vir até você. Em outras palavras, se você estiver pensando predominantemente no seu lindo carro novo, ele estará firmemente a caminho na sua direção mas, se você estiver pensando predominantemente no seu inseguro carro atual, o seu carro novo não poderá se mover na sua direção.

Pode parecer difícil fazer uma distinção entre pensar realmente no carro novo e ficar martelando no carro velho, mas uma vez que você estiver consciente do seu Sistema de Orientação Emocional, essa distinção será fácil de fazer.

Agora você tem a chave para criar todos os seus desejos.


Uma vez que você perceber que seus pensamentos se igualam ao seu ponto de atração e que a sua forma de sentir indica o seu nível de permissão ou resistência, isso significa que você tem a chave para criar qualquer coisa que desejar.

Não é possível que você sinta consistentemente uma emoção positiva a respeito de alguma coisa e ela saia mal, da mesma forma que não é possível que você se sinta consistentemente mal a respeito de alguma coisa e ela saia bem. Porque a maneira que você sente vai lhe dizer se está permitindo o seu Bem-Estar natural ou não.

Ainda que não exista uma fonte de doenças, você pode oferecer pensamentos que não permitam o fluxo natural do seu Bem-Estar, assim como pode oferecer pensamentos que não permitam o fluxo natural da sua abundância, ainda que não exista uma fonte de pobreza. O Bem-Estar está constantemente indo na sua direção e se você não tiver aprendido pensamentos que diminuam ou restrinjam, você estará experimentando o Bem-Estar em todas as áreas de sua vida.

Não importa onde você se encontre atualmente em relação a qualquer coisa que desejar, se prestar atenção na maneira que você pensa e, se dirigir os seus pensamentos para pensamentos que tragam uma sensação melhor, você conseguirá entrar em harmonia vibracional com o Bem-Estar novamente, que é uma coisa natural para você.

Lembre-se que sendo uma extensão da Energia-Não-Física, pura e positiva, quanto mais em harmonia vibracional você estiver com o seu EU, melhor você se sentirá. Por exemplo, quando está apreciando alguma coisa, você tem uma vibração que combina com quem realmente é .

 

 Quando ama alguém, ou a si mesmo, você tem uma vibração que combina com quem realmente é. Mas, se estiver achando defeitos em si mesmo ou em outra pessoa, naquele momento você estará oferecendo uma vibração que não combina com quem você realmente é. E a sensação negativa que sente naquele momento é a indicação de que introduziu uma vibração de resistência e que não está mais no estado de permitir a Conexão pura entre o seu eu físico e a sua parte não-fisica.Sempre nos referimos à sua parte não-física como o seu Ser Interior, ou a Sua Fonte. Mas não importa o nome dado à fonte de energia ou à força da vida, o que importa é que você esteja consciente e saiba quando está permitindo a conexão com ela e quando a está restringindo de alguma forma. Suas emoções são seus indicadores constantes do nível de permissão ou resistência com essa conexão.
Cláudia Martinez – Filadélfia – EUA

ANTENHA SEU FOCO NAQUILO QUE VOCÊ QUER, JAMAIS NO QUE VOCÊ NÃO QUER -

frase de Wayne DyerAldo Novak

 Para sobreviver, o Homo sapiens ganhou um cérebro que funciona, basicamente assim: tudo aquilo que tem a sua atenção, ganha sua força e sua ação… e tende a crescer.

Apesar de parecer uma frase vaga e pouco técnica, ela está correta e precisamos entender o seu real significado em nossas carreiras, nossas empresas, nossa vida pessoal e nosso autocontrole. Leia a frase novamente: tudo aquilo que tem a sua atenção, ganha sua força e sua ação… e tende a crescer.

Este simples mecanismo permitiu a construção da civilização como a conhecemos, incluindo nossos erros e acertos. Por que? Porque nosso cérebro não faz nenhuma distinção entre as coisas que queremos ou que não queremos. Ele somente se concentra em encontrar meios de obtermos aquilo que está em nossa cabeça, mesmo que seja o que não queremos. Por isso Wayne Dyer afirma: “Mantenha seu foco naquilo que você quer, jamais no que você não quer, ou não tem”.

Algumas pessoas acham que isso tem elementos esotéricos, paranormais ou de fé religiosa; Não tem. Na verdade é somente biologia darwiniana e matemática pura, pois a mente não tem meios de avaliar a qualidade relativa de cada um dos 50 mil pensamentos gerados diariamente pelos neurônios. Por isso ele, de modo simples e direto, ajuda você à conseguir aquilo em que você pensa. Sempre.

Se você pensa o dia inteiro no dinheiro que não tem, nas dívidas para pagar, nas noites solitárias e nos defeitos das pessoas…. seu cérebro, obedientemente, vai procurar modos de conseguir mais daquilo em que você pensa. Você tenderá a conseguir mais falta de dinheiro, mais dívidas para pagar, mais noites solitárias e encontrará ainda mais defeitos em mais pessoas… Repito, isso não tem mágica envolvida, só biologia.

É impossível explicar neuropsicologia em um texto de oito parágrafos, mas observe se isso não ocorre em todo lugar. Tudo aquilo que tem a sua atenção, ganha sua força e sua ação… e tende a crescer. Sejam pensamentos que ajudam ou atrapalham você.

Embora praticamente todos os livros de sucesso digam isso (com palavras diferentes) o impacto que este conceito pode ter, por aqueles que o entendem e o aplicam, é poderoso, seja dentro da cultura de uma empresa, uma equipe de trabalho, um casamento, um time e até dentro de nossa própria cabeça.

Tudo aquilo que tem a sua atenção, ganha sua força e sua ação… e tende a crescer, por isso, faça como sugere Wayne Dyer: mantenha seu foco naquilo que você quer, jamais no que você não quer, ou não tem.

[Aldo Novak, autor deste artigo, é coach, jornalista e conferencista, diretor da Academia Novak do Brasil.] 

  http://www.vadiando.com/textos/archives/cat_o_poder_do_desejo.html

About these ads