A arte de viver II (aprendendo com o passado)


SmileVi que a arte de viver interessou aos meus leitores, desta forma irei relatar formas de se viver bem em diversas situações e pensamentos diários que nos fazem ficar tristes e por vezes não sabemos nem identificá-los.

Reviver, pensar, sonhar, lamentar, chorar, constantemente o que aconteceu no passado não lhe garantirá o futuro que deseja.

O passado nos serve de experiência, aprendemos com ele, muitos se apegam e dizem “a se pudesse voltar atrás, outros, “se pudesse ter ficado com aquele namorado (a)”, existem algumas situações vividas podem aparentente retornar, mas se retornar jamais serão da mesma forma, um exemplo que posso citar, afinal tenho visto em meus pacientes é…” quero tanto voltar com ele (a), era tudo lindo, maravilhoso e romântico”, isso é uma história de relacionamento que “já” passou, sendo assim mesmo que existisse uma segunda chance, não seria idêntica a primeira (pois até uma separação já ocorreu), seria diferente, as pessoas mudam seus gostos, seus lugares de frequentar, ou mesmo novas experiências de vida e relacionamentos. Por incrível que pareça mudamos nosso pensamentos com constância e não percebemos isso, no adaptamos diariamente a novas experiências.

Nunca o passado volta exatamente como antes, ele nos dita nosso sucessos e erros, assim podemos aprender com eles e saber escolher os caminhos que podemos traçar e os passos que nos levará ao futuro que desejamos.

Se já sabemos que determinadas “coisas” nos fazem mal, pensamentos de apego ao passado que de nada vai adiantar (o que restou foi experência do que dá certo ou errado) a clássica frase ” Foi bom enquanto durou” e eu complemento “aprendi enquanto durou”.

Dê um ponto final em coisas do seu passado que tendem a tomar seus pensamentos, que não te levarão a lugar algum a não se remoer mágoas, tristezas ou ficar tentando em pensamentos voltar atrás em momentos bons… isso já foi, acabou e te deu conhecimento.

Com esse desprendimento do passado é possível você ter mobilidade de (Programar o Futuro, “outra matéria contida no Blog”.) A sua programação fluirá para os passos que irá tomar, seja emprego, relação amorosa, comportamento seu em relação a família… todos os seus pensamentos receberão jogo de cintura para você poder enxergar qual o melhor caminho ao novo, ao seu futuro (você é responsável pela construção dele hoje atravéz de seus atos).

Então diga “adeus” aquele namorado(a) já foi, programe um novo em sua mente que virá, diga adeus ao emprego que foi, e programe em você um novo bem melhor e até com melhor salário, fique feliz, afinal o poder de escolhas está em você.

Seus atos no momento presente, direcionarão como serão o seus dias futuros.

Viver é uma arte… pinte seu dia com tudo de bom e todo aprendizado que existe em você… o resultado será sempre uma obra de arte melhor que a outra.

Diga “thau passado…aprendi com você”…

Sorte sempre a todos…

Anúncios

Um pensamento sobre “A arte de viver II (aprendendo com o passado)

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s