Colisão


O Que se Passa No Planeta Terra?

 

Colisão!

28 de novembro de 2007

Por Karen Bishop

 

 

Saudações!

 

Nós alcançamos uma dimensão mais elevada, uma nova plataforma, uma nova realidade… e esta chegada está causando muito tumulto, já que conflitos na vibração criam grande caos, aspereza, opressão, e basicamente nada parece se encaixar ou funcionar.

 

Nós estávamos indo a cento e sessenta quilômetros por hora na hierarquia de dimensão inferior, enquanto liberávamos e purificávamos muito, o que nos possibilitou nos sentirmos mais leves, mais livres, e por ai vai, e então bam!… nós atingimos a parede da próxima hierarquia. E a atingimos com força! Em essência, nós tínhamos nos graduado de uma velha hierarquia dimensional. Assim então, era o momento da graduação.

 

Uma parte suficiente da massa crítica tinha evoluído também, e após alguma espera (lembram-se do período de espera dos meses passados, quando fomos retidos a fim de dar um tempo adequado tanto quanto possível para se envolver, e a fim de realmente nos sintonizarmos com o que real e verdadeiramente queríamos para nós mesmos?), então nos foi dada a oportunidade para atravessarmos o portal de 11 de Novembro (assim como a oportunidade de 11/9), e agora…estamos sendo atingidos justamente na face com as manifestações de nossa nova chegada na próxima parada dimensional.

 

Algumas manifestações? Aquilo que cada um de nós estava vibrando no momento de nossa chegada, foi ampliado a tal grau que fomos atingidos justamente na face com isso. Se não sabíamos disto antes, sem dúvida sabemos agora como percebemos as coisas, como e com o que vibramos, e o que éramos e tratávamos … especialmente em relação a algumas percepções errôneas ou ilusões as quais acreditávamos que fossem verdadeiras e melhores. Estas discrepâncias de nossa vibração atual para a vibração nova e superior dos reinos mais elevados, criaram as experiências e dramas terrenos em nossas vidas que nos mostraram aonde não poderíamos ser compatíveis nos reinos mais elevados.

 

E deste modo, possivelmente sentimos que realmente tínhamos chegado ao inferno em vez de no céu. Podemos recentemente ter sentido de repente como se nada nem de longe parecesse certo ou confortável, que estávamos no lugar errado ou fora de nossa zona de conforto, que estávamos sendo punidos quando tínhamos tentado tão duro e acreditado que éramos uma pessoa boa e decente, que talvez, apenas pudesse ser que não fossemos tão maravilhosos afinal, e até que tivéssemos chegado a algum lugar cruelmente rude, onde estávamos afligidos, não importa o quanto tentássemos ajustar ou corrigir as coisas. Uma coisa após a outra chegaria continuamente sem tempo para nenhuma pausa para respirar!

 

Quando damos um salto dimensional, acabamos por ajustar as coisas infinitamente e percebemos que tudo que aparentamos ou queremos fazer, simplesmente dá a impressão de não funcionar naturalmente. Parece haver atrasos e obstáculos intermináveis. Isto é porque muito tem sido expulso. As velhas energias estão partindo, voando por toda parte, agora temos uma vibração mais elevada e não somos mais compatíveis com muitas coisas, e assim tentamos nos encaixar a algo incompatível. Parece que não podemos fazer “isto” antes de fazer “aquilo”, e assim por diante. O que está ocorrendo aqui é que estamos fazendo ajustes e tentando encontrar os nossos novos lares e habilidades vibracionais.

 

Assim, em essência, podemos sentir como se houvesse colisões em todo lugar! Podemos nos sentir como se não estivéssemos em alinhamento com nada, que não pertencemos a lugar algum, e que há atrito para todo lugar que viramos! Mas o atrito se origina dos nossos aspectos que estão vibrando a partir de ilusões que acreditamos ou percebemos, ou em outras palavras, os nossos aspectos de vibração menos elevada, é o que está causando o atrito e a energia de colisão. Quando finalmente somos capazes de fazer ajustes em nossa energia, ou no modo que percebemos as coisas, então tudo se soluciona bastante para nós.

 

Atualmente estamos na energia de mudança drástica. Como se uma escavadora estivesse deslocando tudo abaixo de nós, removendo muito abaixo de nossos pés, e nos deixando energeticamente sem teto e ainda sem lugar nenhum para ir. Este padrão continuará por todo o mês de Dezembro. 12 de Dezembro será um dia fundamental para uma oportunidade para outro alinhamento aos modos mais elevados de viver e de ser, e então o Solstício nos ajudará a ir mais fundo e desenterrar muito mais. Tudo isto em preparação para Janeiro, quando chegaremos inteiramente em nossos novos lares de vibração mais elevada.

 

Nós estamos tendo que cavar bem fundo e desenterrar muita coisa ainda se quisermos nos alinhar com um reino mais elevado. Esta recente transição tem me criado um dos maiores desafios que vivenciei até aqui. Quando cheguei aqui em nossas novas terras, eu tive que aprender algumas maneiras muito novas. Um dia enquanto sai para caminhar, eu fui agarrada pelo ombro e girada pelos habitantes não físicos destas terras. Eu mudei a direção em meu passeio, e fui ainda agarrada pelo ombro e girada. E então eu recebi um forte sermão e uma grande humilhação.

 

Entendam, quando alcançamos uma dimensão mais elevada, precisamos “checar”, por assim dizer. Nossas velhas e arrogantes maneiras não são permitidas aqui. Mas na maior parte do tempo não estamos conscientes de que estamos sendo arrogantes… pensamos que estamos ajudando de algum modo. Havia muito a mudar interiormente. A minha maneira de avançar rapidamente não seria tolerada aqui. E havia outras coisas também. Excesso de responsabilidade não funcionaria também… as obrigações são compartilhadas igualmente em uma realidade nos reinos mais elevados. E aqui não existem líderes! Além disso, Phil e eu tivemos que nos separar por um breve tempo, pois ajustes precisavam ser feitos em nossa interação mutua, e estávamos vivenciando grande atrito ao estarmos juntos (mas agora nós estamos melhores do que nunca, com um relacionamento incrível e novo em folha como nunca poderia ter imaginado… Eu tive que deixar ir muito do meu “velho” eu, e estou ainda progredindo!)

 

Assim então, quando estivermos nos sentindo muito miseráveis como se estivéssemos talvez no inferno, realmente é um chamado para fazermos alguns ajustes internos. E quando eles são feitos, podemos novamente nos encontrar no céu… e em um céu que é mais divino que teríamos imaginado, com todos os nossos sonhos se tornando realidade.

 

Se vocês estão vivenciando grandes desafios, saibam que o universo (ou a sua alma) os está orientando e tentando atrair a sua atenção sobre os seus velhos padrões de energia. Eu tenho notado ao meu redor e interiormente também, que estamos em grande parte abusando dos nossos dons. Quando oferecemos demais de quem nos destinamos ser, nosso dom então se torna uma obrigação em vez de um bem. Nosso dom se torna muito exagerado, por demais utilizado, e assim cria um desequilíbrio ou um dom de vibração inferior.

 

Dizer que vocês estão aqui para trazer a energia do cuidado próprio, da satisfação, e alegria para o planeta. Se vocês passarem grande parte de seu tempo se mimando, cuidando de você, preocupados só com seus próprios interesses, e assim não disponíveis para o todo, o seu dom então é desperdiçado. Ou talvez você seja aquele que têm o dom de realmente ver os outros ao seu redor, saber como eles se sentem, e ter muita consideração por suas necessidades. Se fizer isto de forma excessiva, você terminará por colocar os outros antes de você, e se descobrirá atraindo pessoas egocêntricas, por exemplo, que estão lá para mostrar a você como ser mais como elas.

 

Quando atraímos outros em nossas vidas que incorporam traços que nos deixam ansiosos ou que achamos que são horríveis, freqüentemente é porque em algum ponto de nossas vidas, nos convencemos que nunca seríamos assim, e deste modo, nos tornamos muito do oposto de nós mesmos. Mas saibam que seja quem for que atraímos, provavelmente acredita que somos exatamente muito do nosso próprio extremo também, e mal podem nos tolerar!

 

Com tanto sendo ampliado agora, podemos realmente ver e saber o que está dentro de nós e de nossa características, e nos é dada uma oportunidade de usar os nossos dons sabiamente, em uma área apropriada, e em quantias que nos servem e ao todo do melhor modo possível.

 

Outro cenário pode também estar presente em relação aos nossos dons pessoais. Quando somos muito talentosos e dotados em alguma coisa, sabemos muito sobre isto e realmente vibramos bem com isto. É a nossa paixão, o nosso foco, e a lente através das quais vemos as coisas e o ponto de partida onde investimos a maior parte de nossas percepções e experiências. Por causa disto, notamos claramente algo que esteja abaixo do padrão em relação a nossa área, e nos tornamos muito irritados se as coisas não se adaptam a nossa percepção ou padrão.

 

Dizer, por exemplo, que vocês estão aqui com o dom do comportamento humano de vibração mais elevada. Por causa disto, vocês visualizarão aqueles ao seu redor em uma perspectiva de quanto eles estão saudáveis   mentalmente, emocionalmente e espiritualmente. Esta é a sua área de especialidade e o seu dom. Assim então, qualquer um que caia abaixo de um padrão elevado pode deixá-los ansiosos e irritados, pois vocês estão aqui para servir quanto a auxiliar aqueles a se tornarem mentalmente, emocionalmente e espiritualmente saudáveis. Este é a maneira que vocês concordaram em elevar a vibração do planeta. Assim, qualquer pessoa que você encontre que tenha uma vibração inferior do que o seu alto padrão e nem se importa, está  atrapalhando a sua parada e inibindo o seu progresso em ajudar o planeta.

 

Ou talvez estejam aqui para proteger o meio ambiente e a Terra. Se vocês encontrarem uma área destruída na natureza, ou encontrarem uma situação onde a Terra estava sendo desrespeitada. Provavelmente ficarão irritados, pois aqueles responsáveis estavam atrapalhando o propósito da sua alma e interferindo com o seu trabalho. Outros com um propósito diferente poderiam nem mesmo notar a destruição em uma área da natureza, mas somente a beleza presente.

 

Em todos os cenários acima, cada um de nós vê através de filtros diferentes e isso provoca o atrito. Nos reinos mais elevados, há menos filtros presentes. Quando somos capazes de ver aqueles ao nosso redor através dos filtros de nossas almas, ou em outras palavras, quem eles são a um nível de alma e o que eles estão aqui para dar e contribuir, então somos capazes de evitar as nossas percepções errôneas. Quando vemos a alma de uma pessoa, podemos então honrar e respeitar esta pessoa, e este comportamento servirá sempre para expor o melhor de alguém, assim como para servir em apoiar quem eles são e o que eles vieram contribuir.

 

Eu tive que me mover rápido, ir à frente das massas e então trazer a informação. Qualquer pessoa que estivesse se movendo lentamente deixava-me irritada. Mas eu tinha muito desta habilidade que eu precisava e eu verdadeiramente omiti a beleza do processo. Precisamos usar os nossos dons de um modo apropriado e em quantidades apropriadas. Não precisamos estar “ligados” todo o tempo… apenas quando for necessário em um modo e em um tempo que sirva e contribua para o todo.

 

No restante do tempo poderemos estar no mesmo páreo com todos os demais, curtir o grupo e nós mesmos, rirmos, nos divertirmos, e amarmos o outro. Quando o nosso dom e área de especialidade forem necessários, seremos solicitados, pois apelaremos ao outro quando precisarmos do que eles têm a oferecer. Deste modo, não precisamos fazer tudo isto, pois os outros podem executar quando o seu dom e sua contribuição forem rogadas e requisitados para equilibrar e satisfazer o todo.

 

Nosso dom e nosso “modo” não é o único. Precisamos associar muitos modos e criar um todo. Se colocássemos juntas, uma pessoa que se movesse rapidamente e uma outra que o fizesse de forma mais lenta, teríamos isto tudo… todo o espectro e uma existência muito mais divina. Precisamos da diversidade. Se fôssemos todos semelhantes e vibrássemos da mesma forma, não poderíamos criar um todo de um maravilhoso espectro. Como isto seria aborrecido! Nossos dons individuais são vitalmente necessários como parte de um todo.

 

Além do mais, quando alcançamos uma realidade dos reinos mais elevados, não precisamos mais ter um propósito em relação a elevar a vibração do planeta. Nossos papéis então, começam a mudar em papéis que se relacionam com a nossa contribuição para a comunidade. É então que finalmente vemos que podemos relaxar, nos apreciar mais, seguir a nossa paixão, desistir de tentar chegar a algum lugar, estar muito presente, e apreciar verdadeiramente o que já está aqui. É então que começamos a ver na existência as coisas de vibração inferior, pois os aspectos de vibração menos elevada já não são tão predominantes. E o que nos focalizamos, então se torna a nossa realidade de escolha.

 

Por que muitos estão se sentindo oprimidos ultimamente? Quando alcançamos uma realidade de vibração mais elevada, qualquer coisa que lá não pertença fica comprimido e posto para fora. Assim, podemos sentir grande pressão, muito a fazer, e muito continuando. Além disto, estamos manifestando rapidamente. Quanto mais liberamos ou que é colocado para fora, menos pressão nós sentimos. E quando manifestamos rapidamente, podemos manifestar o bem e o mal. Tudo parece que acontece imediatamente, como um fardo de feno caindo em nossas cabeças, ao invés de quantidades moderadas que chegam vagarosamente.

 

Por que as coisas parecem tão irritantes agora? Nós temos que realmente compreender a mensagem agora. O cutucão suave não tem sucesso quando precisamos real e verdadeiramente tomar conhecimento de algo. Nossa atenção precisa ser obtida… sem nenhum espaço para que não seja notado. Estamos sendo intensamente apoiados e encorajados a entrar em alinhamento com os reinos mais elevados, ou não seremos capazes de sobreviver lá. Embora as coisas possam parecer desagradáveis, quando ajustamos as nossas vibrações individuais, as energias se acomodarão mais e as coisas se acalmarão. Muito de como pensávamos que deveria ser, ou como pensávamos que as coisas ao redor de nós deveriam ser, foram percepções errôneas que se originavam de um conhecimento e consciência de vibração menos elevada.

 

Pode parecer desagradável porque muito é ampliado quando a nossa vibração é mais elevada. E com tanto sendo colocado para fora, o que está terminado e partindo é intensamente ampliado e em primeiro plano. Se as coisas estão excessivamente irritantes e opressivas ultimamente, pode ser de grande ajuda se afastar tanto quanto possível e dar uma pausa por até um dia. Não façam qualquer coisa ou tentem realizar algo. Tirem um dia apenas para vocês. Parem e aqueçam-se ao sol. Desliguem o telefone. Não entrem em seu e-mail. Deixem as coisas ir. Leiam um bom romance. Dêem um longo passeio.

 

Nós últimos dias Phil e eu tomamos banhos de hidromassagem, cozinhamos juntos, ouvimos música, tivemos longas conversas, nos afagamos na cama com as nossas bolsas de água quente, amamos os nossos animais, e demos longas caminhadas na natureza.  Nós estávamos no céu e afastados de tudo  mais. A internet não funcionaria, o aquecedor não funcionaria, a eletricidade não funcionaria e muito mais nesta velha casa que já alugamos, mas de algum modo rimos o dia inteiro e nos retiramos um pouco. Havia muito mais para ser feliz e grato, e somos muito abençoados.

 

Saibam que estes tempos desafiadores passarão. Saibam que tudo está em divina e perfeita ordem e faz um sentido perfeito, mesmo que não possa parecer. Saibam que o que está ocorrendo agora é simplesmente parte do processo da ascensão, e ocorrendo de modo que mais do céu possa já estar presente. Quando real e verdadeiramente chegamos a uma existência mais celestial, temos que deixar muito ir… muito que pensávamos que fosse o melhor e mais elevado modo de vibrar. O céu é muito mais simples do que conhecemos até aqui. Podemos tentar, nos sentar e suspirar um pouco… deixem as coisas ir… desistam do conflito… permitam que ele chegue… saiam do caminho. Ahhhhhhh…

 

http://www.whatsuponplanetearth.com

http://www.novasenergias.net/oquesepassanoplanetaterra

 

Desejo a vocês o Céu em seu coração, a luz das estrelas na sua alma e milagres em sua vida nestes tempos miraculosos.

 

Até a próxima vez,

 

Karen Evolution glyph swirl

 

 

Tradução: Regina Drumond       reginamadrumond@yahoo.com.br

              Silvia Tognato Magini  silvia.tm@uol.com.br

 

 

Fonte:   http://www.novasenergias.net/oquesepassanoplanetaterra/alertas/ultimoalerta.htm

 

Site Oficial de todas as mensagens e alertas em Português do “What´s Up On Planet

Earth” com a devida autorização de Karen Bishop.

 

Mantenha sempre todas as duas Fontes e Créditos Originais.

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s