O Que se Passa no Planeta Terra?


ca8fetet.jpg 

24 de Março de 2008

CONSEGUIMOS!

Saudações!

Talvez este seja um dos alertas de energia mais excitantes que eu já tive o privilégio de escrever. Neste alerta de energia:

Informação acerca da conclusão da mudança…

Manifestações interna e externamente;

Muito mais sobre o ganho de peso;

Deixando ir as nossas responsabilidades sem culpa;

Permitindo que as coisas terminem e avancem.

Finalmente nós alcançamos o centro de rotação da massa crítica e isto está criando “a grande liberação.” Uma parte suficiente das massas teve agora tempo para escolher, mudar e expandir, e, portanto, nós temos a oportunidade de residir plenamente no “outro lado”. Nossa espera e também o nosso assim chamado trabalho de manter o espaço para as massas agora acabou. O final de Março usualmente traz muita novidade, pois o Equinócio serve como um veículo para este fluxo. Contribuindo com isto, a lua cheia e a energia da Páscoa, e um impulso final que foi criado, serviram para criar esta abertura.

O centro de rotação permitiu que muito fosse abandonado. Foi como se um pedaço enorme com que muitos de nós fomos oprimidos ou ligados, tivesse agora a permissão de se afastar dramaticamente. As conexões criadas ao nos desligarmos da velha realidade e para o novo estão agora se tornando mais permanentes do que nunca. Nós estamos encontrando mais e mais conexões novas neste “outro lado” que estão muito mais em alinhamento com quem e onde estamos agora (mais disto adiante neste alerta de energia).

Agora muitos de nós começarão a vivenciar milagres imediatos, uma alegria substancial, uma vida sem ligações ou responsabilidades, e uma liberdade inacreditável. Estas experiências surgem quando estamos dispostos a liberar os nossos medos e o que pensávamos que fossem as nossas defesas… e o mais importante, estamos agora sendo solicitados a liberar a nossa “dependência” às responsabilidades. Quando pudermos escolher liberar e deixar ir as responsabilidades do “velho mundo”, os velhos relacionamentos que nos fazem sentir tristes e esgotados e coisas semelhantes, então nos encontraremos em uma realidade inteiramente nova de leveza, tranqüilidade, alegria, risos, prazer, inspiração, paz, amor e maravilhosas companhias de vibração similar e de mesma opinião.

Esta grande liberação significa missão cumprida. E deste modo, muitos de nós fomos liberados de nossos velhos papéis como trabalhadores da luz (mais disto adiante, assim como esta liberação pode criar alguns sentimentos estranhos e inquietantes).

O processo de ascensão imita intensamente a menopausa. Com perda da memória a curto prazo, ganho de peso abdominal, depressão, ansiedade, calor do climatério e suores noturnos, acessos de choro e descontroles emocionais, estão sendo vivenciados por homens e mulheres de todas as idades, nós podemos imaginar o que está acontecendo no mundo. É um processo de deixar uma realidade ou identidade e mudar para outra. Abandonar a nossa velha vida e nossos velhos papéis, como a menopausa.

Parte deste processo criou um desejo para mais tempo para nós mesmos sem todas as responsabilidades, talvez sentindo que queremos estar “prontos” e preparados para deixar ir toda a “retaguarda infantil”, darmos, estarmos lá para os outros, e nos sacrificarmos como fizemos no passado. Subitamente parecia ser o tempo para nós… talvez finalmente o nosso tempo.

Assim como a menopausa, alguns de nós estavam no ponto de estarmos “prontos” com uma grande parte de nossos papéis como trabalhadores da luz, ou em outras palavras, elevando o planeta (ou a sua vibração!). Este estado de ser criou a raiva, frustração, e uma necessidade muito severa de permitir que outros façam isto agora, permitir que outros façam coisas que estávamos cansados de fazer, e um desejo de parar simplesmente. Criando a exaustão e o cansaço, muitos de nós estavam mais do que preparados para que ocorresse esta nova residência, e os estágios finais deste período de espera provaram ser desafiadores, na melhor das hipóteses. Agora uma parte suficiente da massa crítica foi afetada através desta última mudança, de modo que agora é o momento para que muitos permitam que outros assumam. O que isto significa exatamente? Estamos prontos, purificados, sendo lançados fora? Nós estaremos partindo em breve? Nós morreremos?

Não… nós apenas temos novos papéis agora e começamos a nos “afastar” para a terra de nossos sonhos mais extraordinários com companhias perfeitas que nos são apropriadas, enquanto continuamos a fornecer o nosso auxílio ao resto do planeta em quantidades limitadas no “limite” dimensional, enquanto residimos predominantemente em um céu na realidade da terra de nossos sonhos… ufa!

Quanto mais tempo nós passarmos e mais conectados ficarmos com o velho mundo, mais desconfortáveis ficaremos. Confiem que podemos liberar o velho, o que permitirá que o novo chegue.

E isto nos leva à questão do peso de nosso corpo. Este velho ganho de peso. Durante as primeiras fases do processo da ascensão, pode ser comum perder subitamente uma quantidade substancial de peso (mas não necessariamente para todos). Isto é porque os nossos corpos entram em choque, assim falando, e podemos ficar entorpecidos, ter pânico e ansiedade (ou depressão), e pode ser difícil comer. Nossos corpos estão começando a abrigar uma mudança e uma reestruturação massiva e eles podem realmente ser atingidos duramente neste primeiro estágio.

Após este estágio se completar, muitos de nós começam a experienciar ganho de peso abdominal. Isto é porque o nosso relacionamento com o mundo está mudando, nós não podemos mais residir nestas energias mais densas, e assim, nós levantamos um muro de proteção nesta área, na forma de uma barreira de peso. Este peso adicional mantém também uma vibração mais elevada ou muito mais luz. Nossa área do plexo solar, portanto, mantém mais da luz, pois ele representa a barreira, ou o nosso relacionamento com o velho mundo e as vibrações mais densas. E deste modo, quando estávamos ainda passando o tempo no velho mundo, nós precisávamos que esta área fosse densa.

Mais recentemente, muitos estão experienciando uma quantidade substancial de ganho de peso em todos os nossos corpos. Nós podemos olhar no espelho em um dia e ficarmos absolutamente surpresos ao vermos a imagem chocante refletida como pode parecer que subitamente ganhamos uma quantidade imensa de peso quase da noite para o dia! Para alguns, nós nunca estivemos neste peso em nossas vidas inteiras.

Aqui está o que está ocorrendo: Quando estamos interagindo com as energias mais densas do velho mundo, ou com quaisquer energias com as quais não ressoamos, nós começamos a manter mais luz como uma proteção. Nós estamos mantendo assim de um modo resistente, estejamos conscientes disto ou não. Isto cria uma tensão e um fluxo que não pode ser criado. Também, nós tivemos que deixar ir muito de quem pensávamos que fôssemos, ou a nossa densidade de vibração menos elevada, que a fim de permanecer “aqui” neste planeta, nós pensamos subconscientemente que precisamos criar uma forma física mais pesada para nos manter “aqui”.

Como nós estamos carregando mais luz para o todo, nós estávamos assim “carregando mais peso” do que os outros. Nós sabíamos que precisávamos “atrair nosso próprio peso”, ficando em nossa integridade, vindo de nossa postura mais elevada, e sendo uma versão purificada de quem nós realmente éramos (nossos próprios dons e talentos individuais).

Este peso extra então, foi necessário enquanto estávamos interagindo com o todo e o influenciando através de nossa presença apenas. Eu noto freqüentemente que quando eu visito a minha família na Califórnia, e fico nas energias de lá até por uma semana, eu venho para casa com uma cintura maior. Nos níveis menos elevados, estas interações com as vibrações menos elevadas podem causar stress (eu não estou me referindo especificamente a minha família aqui… sinto, mamãe), e este estado cria uma mudança química dentro de nós que pode causar o ganho de peso também. Tudo a mesma coisa.

Mas agora as coisas mudaram. Nós fomos liberados deste papel. Assim, nosso peso começará a cair quanto mais começarmos a residir no “outro lado”. Novamente, quanto mais tempo gastarmos e mais conectados estivermos com o velho mundo, mais desconfortáveis estaremos. Confiar que podemos liberar o velho permitirá que o novo chegue.

E isto nos leva as nossas conexões muito novas. Nós estamos carregando agora luz suficiente como indivíduos que começarão a se conectar com outros agora, ao invés de nos conectarmos com a Fonte como nossos meios de apoio e de energia mais elevada. Sim, a Fonte está sempre presente e nós sempre nos conectaremos com ela, mas estamos incorporando tanta Fonte dentro de nós agora, que começaremos a nos conectar com o outro de modos novos e diferentes.

Se vocês são aqueles que estiveram experienciando uma falta de apoio dos outros, ou um sentimento que vocês têm que fazer isto tudo, ou um sentimento que estão assumindo toda a responsabilidade, aqui está por que: Vocês estão ou muito provavelmente se conectando ainda com outros que não estão em seu espaço vibracional, ou com outros que ainda não estão incorporando a sua paixão, ou o seu papel específico no novo mundo.

No novo mundo cada um de nós tem um papel ou uma paixão específica para realizar. O processo de ascensão cria um repuxo de algo que não é nosso para fazer, portanto, nós não mais temos a energia, a possibilidade ou o desejo de fazermos isto tudo ou de usarmos todos os chapéus.

Nossos novos papéis envolvem sermos muito verdadeiros com quem nós somos, ou com os nossos eus autênticos. Quando não fazemos isto, ou não estamos sendo realmente quem realmente somos, nós ficamos fora de alinhamento, podendo resultar o caos e o aborrecimento. Sermos os nossos eus verdadeiros e mais elevados envolve estarmos em nossa integridade em todos os momentos e, portanto, trazendo os nossos eus verdadeiros e mais elevados para o todo. E, sob este aspecto, nós precisamos nunca deixar por menos em qualquer área ou de qualquer modo.

Assim, deste modo, nós estamos criando agora novas conexões com outros. Quando começarmos a incorporar os nossos eus verdadeiros e autênticos, começaremos então a nos conectar com outros que estejam fazendo o mesmo. Então, quando nos conectarmos com estes outros, criaremos um todo muito novo que inclui estes que incorporam as suas paixões, dons e talentos, e que sejam muito bons no que eles fazem. Cada um de nós, então, tem um desejo sincero de fazer bem o nosso trabalho, nunca nos cansamos dele, ele vem facilmente a nós, e então estamos no céu vivendo facilmente, enquanto nos tornamos uma parte deste todo muito novo e de elevada vibração.

Estes tipos de grupos estão começando a se solidificar agora, enquanto eles se afastam do velho mundo e formam pequenos grupos por sua própria iniciativa. Isto envolve energias de vibração mais elevada, conectando-se um com o outro. Assim, deste modo, muitos de nós estão mais do que preparados para liberar o ônus de nossas velhas responsabilidades. Eu falo muito sobre este cenário em Lembrando o seu Propósito de Alma (Eu estou incrivelmente feliz pois o momento está finalmente aqui!), e quando o meu novo site estiver pronto, haverá informação complementar para vocês, auxiliando na identificação de qual é este propósito, junto com outras informações úteis.

(Eu já retornei para casa de uma viagem a Santa Fé. O telefone no meu quarto do hotel tinha a luz da mensagem piscando. Sem saber se eu tinha uma mensagem, eu digitei para ver. O que eu ouvi foram três mensagens maravilhosas para os últimos três hóspedes do meu quarto. Elas eram tão maravilhosas… pensamentos de amor de amigos, convites para se reunirem, e assim por diante. Em alguns dias eu recebo e-mails dirigidos para outros, pois algumas pessoas apertam o botão de resposta, ao invés do botão de avanço. Há tantos e-mails maravilhosos de um amigo para o outro, dizendo quanto eles apreciaram a sua última reunião, junto com mensagens de amor e de apoio. Há tanto amor entre amigos!)

Quando chegamos ao ponto onde estamos dispostos e preparados para liberar as velhas responsabilidades, podemos sentir culpa. Mas após liberarmos, nós então nos sentimos extremamente alegres e muito conectados com o novo. É então que somos mais plenamente capazes de residir no novo mundo e no outro lado. Nós fomos aliviados de nossas velhas responsabilidades de elevar a vibração do planeta. Está agora OK para nos afastarmos, nos curtirmos, e empregar o tempo para nós dentro de uma realidade de nossos sonhos mais extraordinários. Nós não estamos mais em um estado de “escravidão” com as nossas velhas responsabilidades como trabalhadores da luz. Isto pode parecer muito estranho inicialmente, pois isto é tudo o que muitos de nós têm conhecido, mas quando permitirmos que o novo “nós” e a nova realidade cheguem para nós, nos sentiremos melhor do que já tivemos conhecimento!

Eu menciono freqüentemente as nossas fachadas. Estas serão os portais que existem na fronteira dimensional e que servirão para abrigar os nossos dons e talentos, em relação ao auxílio aos outros. Nós seremos capazes de ter vidas de existência sem esforço, mas muitos de nós gostarão de continuar a servir através destas fachadas. Elas servirão também como portais para o dinheiro, até que o dinheiro não seja mais necessário.

Outro cenário sintomático de nossa nova residência é um comum que envolve o sentimento de ausência de limites, ou talvez até um sentimento de ser violado. Sempre que temos uma vibração mais elevada ou alcançamos uma nova residência vibracional em uma dimensão mais elevada, podemos sentir que nossos limites estão diminuindo intensamente, e corretamente assim. Isto pode nos fazer sentir muito vulneráveis, como se as coisas estivessem acontecendo aparentemente fora do controle.

Muito mais densidade acaba nos reinos mais elevados e podemos realmente senti-lo. Mas como temos uma vibração mais elevada, nós agora nos conectamos com outras energias de vibração mais elevada e as coisas realmente ficam melhores. Quando começarmos a nos conectar com outros que tenham uma vibração elevada em sua integridade e propósito, muito mais se desintegrará e deixará de estar em nossos espaços.

Nossas conexões com a eletrônica estão sendo afetadas também. Nós estamos vibrando de modo diferente do que a nossa eletrônica agora. Pode ser difícil de se conectar ou ter estes aparelhos eletrônicos funcionando para nós! Eventualmente, nós estaremos muito mais focados em nossa eletrônica interna ao invés das externas, e eles não serão mais necessários, mas não por algum tempo ainda.

Enquanto continuamos a aperfeiçoar quem realmente somos, permanecendo em nossa integridade e não deixando por menos, então muito chegará facilmente para nós. E quando estivermos dispostos e capazes de nos permitir a liberar as nossas velhas responsabilidades, poderemos então saltar direto nos reinos mais elevados.

http://www.whatsuponplanetearth.com

Desejo a vocês o Céu em seu coração, a luz das estrelas na sua alma e milagres em sua vida nestes tempos milagrosos.

Até a próxima vez,

Karen
 

 

Tradução: Regina Drumond: reginamadrumond@yahoo.com.br

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s