Para todos que mandaram scraps sobre: Fibromialgia, Sindrome de Fadiga Crônica, Dores Crônicas, E as não descobertas médicas para fechamento de diagnóstico.


manoluz

Olá a todos os leitores de meu Blog.

Fico muito feliz em saber que milhares de pessoas buscam minha ajuda, porém devido a muitos e muitos scraps, não consigo mais responder a todos. Lembrando a todos que minha formação não é médica, mas sim psicológica. Vi o desespero de muitos por estarem com dores generalizadas, falta de diagnóstico (onde os médicos não descobrem o diagnóstico), para os portadores de Fibromialgia e Dores Crônicas, ou Doenças Auto-Imunes, deixo aqui dicas fundamentais e assim tentando responder a todos scraps.

– Grande parte dos médicos não conseguem diagnosticar as doenças corretamente, digo isso por ter sido tratada durante 5 (cinco anos) como portadora de fibromialgia, e depois de tanto sofrer, um médico muito competente do Albert Einstein descobriu que possuo uma doença genética e auto-imune chamada Síndrome de Addison. Desta forma penso eu quanta morfina tomei, sendo que apenas a cortizona resolveria, digo a todos que insistam muito em ter seus diagnósticos corretos e que cobrem dos médicos isso, eles estão formados para isso e não somos um bife com olhos para sermos ignorados em nossas dores ou nem vistos porque eles tem muitos pacientes do convênio para atender, pois sem diagnóstico não se tem tratamento correto.

-Verificar se é Fibromialgia ou Sindrome de Fadiga Crônica. Elas são diferentes.

-Muitas doenças auto-imunes “parecem” com fibro  (Addison, Lúpus, Poliglandular e outras tantas), tem que fazer exames para descartar as hipóteses.

-Se puderem busque sempre ajuda terapeutica psicológica, sei que é caro, mas é necessário, e também existem as universidades onde o tratamento psicológico é gratuíto.

-Busquem saber bem sobre seus sintomas e os anote. Por vezes na frente do médico não se lembra de tudo, anote e dê a ele ou leia.

-Quanto menos stress melhor, alegria apesar das dificuldades é o que resta, viva bem e que cada momento seja o melhor com dor ou sem dor.

-Cuide de você também, sei que tem muita coisa em seu trabalho e em sua casa a fazer, mas se não cuidar de você e as dores pegarem para valer, tudo para.

-Terapias alternativas sempre, florais, homeopatia, reiki, massagem e todas que puder.

Indico um Blog de uma terapeuta que possui muitas informações fantásticas sobre tudo que se trata de dores e afins.

http://autoimunes.blogspot.com/

Sorte Sempre!

Karin Klemm

Anúncios

3 pensamentos sobre “Para todos que mandaram scraps sobre: Fibromialgia, Sindrome de Fadiga Crônica, Dores Crônicas, E as não descobertas médicas para fechamento de diagnóstico.

  1. oi karin, onde quer que a genta leia sobrs a addison,os problemas são os mesmos! precisei ir ao pronto socorro com dores renais(?) quase nem conseguia andar mais e tive que explicar ao médico que deve ter mais de 20 anos de profissão o que é a addison, eu acabei de ser diagnosticada, sofro o preconceito da familia por ser’ preguiçosa’, meu relacionamento foi pro espaço e eu continuo sem um médico que me leve a sério, pq quem me diagnosticou não sabe o que fazer comigo e eu estou cansada de ser cobaia! vc poderia me indicar o seu médico, por email se for o caso,pq eu ja não tenho mais forças. agradeço muito pela atenção, abraço
    sissy

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s